A Oração Do Coração

[Read the devotional «Praying From Your Heart» in English.]

A oração é o reflexo do coração daqueles que nela participam. Quando alguém vem diante do Senhor em oração tudo é desnudado. O Deus Omnisciente, que tudo sabe, sonda os corações daqueles que assim O desejam conhecer. A religiosidade é um ruído estrondoso e um címbalo que tine diante da Sua Santidade. É o amor apaixonado do Senhor, por nós, que abriu a porta para a Sua presença e é o nosso amor por Ele que nos aproxima. A nossa boca fala do que está no nosso coração.

Este momento maravilhoso de intimidade, este toque entre Deus e o homem, é encontrado na oração. Um homem cujo coração é do Senhor, fala o que é verdadeiro. O salmista escreveu: “O Senhor está perto de todos os que o invocam, de todos os que o invocam em verdade,” (Salmo 145:18). Não se encontra malícia, fingimento, ou hipocrisia naqueles que estão na Sua presença.

Davi orou: “Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim,” (Salmo 51:3). Isto é ser sincero. Isaías clamou, quando ele estava diante do trono de Deus: “Ai de mim! Pois estou perdido; porque sou um homem de lábios impuros…,”(Isaías 6:5). Nada está escondido de Deus e quando nós falamos a verdade sobre o nosso pecado, sobre a nossa impotência, o Seu amor limpa-nos, cura-nos, liberta-nos e perdoa-nos.

Do coração obedece-se com alegria. Quando andas em amor, a submissão não é um problema. Servir não é degradação, mas sim um privilégio. Quando alguém tem sido fiel na missão que lhe foi dada, então entra com confiança na presença do Rei dos reis. O coração não o condena. Não há medo de ser repreendido pelo fracasso; não há remorsos. Pode, com ousadia vir diante do trono da graça, e como diz João na sua primeira epístola:”…qualquer coisa que lhe pedirmos, d’Ele receberemos,“(I João 3:21-22).

Um coração agradecido é um coração de fé. É crer e receber antes de ver. Um coração que conhece o Senhor é grato pela promessa das orações respondidas. Ele não precisa ver para crer ou ter em sua posse para ser grato. Paulo disse aos Filipenses que é pela oração e súplicas com ações de graças que todos os pedidos devem ser conhecidos diante de Deus, (Filipenses 4:6). Ao sermos gratos, colocamos a nossa confiança no doador, e não na dádiva. Em tudo devemos dar graças, e assim, aproximamo-nos de Deus e Ele de nós.

Qual é o estado do teu coração hoje? Deus escolheu habitar com aqueles que têm um espírito contrito e humilde, (Isaías 57:15). Humilha-te, hoje, perante o Senhor e vais achar graça abundante para te ajudar em tempos de necessidade. O teu coração vai ser reavivado e o Seu amor vai-te inundar. Humilha-te e Ele te exaltará. A oração do humilde é ouvida no alto. Como Davi orou: “Os sacrifícios para Deus são o espírito quebrantado; a um coração quebrantado e contrito não desprezarás ó Deus,” (Salmo 51:17).

Humildade e ousadia, obediência e fé, todas elas parecem tão opostas, no entanto, são as qualidades que Deus deseja naquele que vem a Ele em oração. Então, guarda o teu coração das contaminações da superficialidade. Caminha na luz, como Ele na luz está. Remove toda a falsidade e ora com o coração. Hoje, deixa que o céu desça e te toque.


Escrituras Para Meditar

Salmo 145:18; Filipenses 4:6; I João 3:21-22; Hebreus 4:16; Tiago 4:5-10; I Tessalonicenses 5:17

Publicado por

Pr. James Reimer

Pr. James Reimer

James Reimer nasceu em Fairbanks, Alaska, EUA. Apesar de ter sido criado num lar cristão, ele envolveu-se no tumulto da década de 60 e entrou na subcultura das drogas. Na véspera de 1971, em Starnberg, Alemanha, a sua vida mudou radicalmente ao ter um encontro com Jesus Cristo. Leia a biografia completa