Uma Visão com uma Missão

Ter uma visão não é como ver um filme, onde, de forma passiva, observamos o que está a ser desvendado. Visão é ver o que pode acontecer, mas é necessário o nosso envolvimento para que ela se concretize. É como a oração, na qual estamos envolvidos para que a vontade de Deus seja realizada aqui na terra. Reese Howells, um intercessor britânico, muitas vezes diz: “Não ores, à menos que estejas interessado em ser a resposta a oração.” Da mesma forma, tu podes ser um visionário sem ser um missionário.

Ezequiel recebeu uma visão dum vale de ossos secos. Estes ossos representam o actual estado de Israel. Ele não recebeu esta visão apenas para estar informado, mas para decretar mudança. Deus não quis que Israel permanecesse “morta” e, por isso, envolveu Ezequiel na restauração de Israel, Ezequiel teve que falar as Suas palavras sobre os ossos secos.

Ter uma visão com uma missão envolve diferentes etapas. Primeiro, precisamos de saber que, se temos uma visão, devemos estar envolvidos no cumprimento da mesma. Segundo, as nossas palavras devem estar alinhadas com a Palavra de Deus. Terceiro, requer fé em Deus para operar o impossível. Uma visão que muda o curso da História está sempre para além das capacidades humanas. A visão também é estratégica. Não acontece simplesmente, temos que dar passos. Primeiro, os ossos juntam-se, depois os nervos, os músculos, a carne e a pele. Há sempre uma ordem para o cumprimento da visão.

Porque uma visão pode mudar pessoas e nações, ela não acontece sem ofensa. Os ossos, ao juntarem-se, fizeram muito barulho. Para que Deus levante um povo que ande em unidade e faça grandes conquistas, como um exército ungido, é necessário lidar com a independência. Isto escandaliza os individualistas que desejam fazer as coisas à sua maneira. Eles estão sempre a aprender, mas nunca chegam ao conhecimento da verdade. Salvação, através da cruz de Jesus Cristo, também não acontece sem ofensa, contudo é poder para todos aqueles que crêem.

Escrituras para meditar: Ezequiel 37.1-12; II Timóteo 3.7; Romanos 10.8, 17; I Coríntios 1.18.

Fotografia: Dirk de Kegel

Publicado por

Pr. James Reimer

Pr. James Reimer

James Reimer nasceu em Fairbanks, Alaska, EUA. Apesar de ter sido criado num lar cristão, ele envolveu-se no tumulto da década de 60 e entrou na subcultura das drogas. Na véspera de 1971, em Starnberg, Alemanha, a sua vida mudou radicalmente ao ter um encontro com Jesus Cristo. Leia a biografia completa