O Haggadah da Páscoa

Programa de 2008

“No mês primeiro, aos 14 do mês, no crepúsculo da tarde é a Páscoa do Senhor”
Levítico 23.5

  • INTRODUÇÃO – Pr. Jim Reimer
  • ACENDER AS VELAS E ORAÇÃO  – Pr.ª Helen Reimer
  • TEMA DA REDENÇÃO – Salmos 78.43-55

Kadesh
“Bendito és Tu, nosso Deus, Rei do universo, que criou o fruto da vinha.”

Urchatz
Lavar as mãos.

Karpas
Mergullhar salsa em água com sal.

“Bendito sejas Ó Senhor, nosso Deus, Rei do universo que criou o fruto da terra.”

Yachatz
Partir a Segunda Matzah ao meio e escondê-la.

  • MAGGID – HISTÓRIA DA PÁSCOA – Pr. Óscar Rodrigues

Farakasha – Quatro Perguntas

  1. Porque comemos pão ázimo?
  2. Porque comemos ervas amargas?
  3. Porque mergulhamos duas vezes?
  4. Porque nos inclinamos quando comemos?
  • DEZ PRAGAS
  1. Dam – Água em Sangue
  2. Tzfardeyah – Rãs
  3. Kinim – Piolhos
  4. Arov – Moscas
  5. Dever – Peste nos animais
  6. Sh´hin – Úlceras
  7. Barad – Saraiva
  8. Arbed – Gafanhotos
  9. Hoshech – Trevas
  10. Makat B´Horot – Morte do Primogénito

Hallel

“Bendito és o Senhor nosso Deus, Rei do universo, que nos dás misericórdia*e nos permtes a vida até ao dia da vinda do Messias. Que graves Senhor, *os nossos nomess no Livro da vida, para que recebamos a tua benção.”

Maror

Comer a Matzah

“Este Matzah” que comemos, que significado tem?
A massa do pão dos nossos pais que ainda não tinha tido tempo de fermentar, quando o Rei dos Reis, O Deus Santo – Bendito é Ele – se revelou aos nossos *pais e os redimiu.”

Comer a erva amarga com haroseth.

Comer a erva amarga com matzah.

  • JANTAR

Tzafune

Buscar o Afikomen e comer com vinho (ceia).

Dar graças pela refeição.

Hallel

Encerramento com celebração e dança.

Publicado por

LogosCC

LogosCC

Instalada no coração de Lisboa, a Igreja Logos Comunhão Cristã, tem como seu paradigma o conceito de uma Igreja não só centrada em si mesma, mas virada para o exterior, para a sociedade portuguesa e para o mundo.