Caminhar com Deus

Provérbios 3:6 diz que devemos reconhecer Deus, em todos os nossos caminhos e Ele endireitará as nossas veredas.

Como crentes, temos que ser conscientes da importância de estarmos prontos, não somente para ouvir Deus, mas para obedecer e render tudo a Ele. Devemos fazer isto em todas as circunstâncias, e quando o nosso caminho não está em sintonia com o do Senhor, devemos permitir que Ele nos leve de volta ao rumo certo.

Por outras palavras, deixar que Ele endireite as nossas veredas… tal como aconteceu com o profeta Jonas.

A nossa busca

Acredito que muitos, se não todos nós, desejam mais de Deus de forma profunda e sincera. Sendo assim, a pergunta que faço a mim próprio é: Porque é que não recebemos essa profundidade na Sua presença e não aprofundamos a intimidade do nosso  relacionamento com o Espírito Santo?

Ao procurar mais de Deus, tenho visto que quando busco-O de acordo com os desejos do meu coração, estou a buscar da forma errada, para  meu  proveito e conforto. Ao ler o pequeno livro de Judas, encontro uma tremenda revelação sobre a forma como buscamos ao Senhor e sobre a forma como Ele deseja que O busquemos.

Os desejos do coração

Por vezes somos como crianças (filhos), pedimos com tanta insistência algo ao nosso Pai, mas Ele sabe que não é o melhor para a nossa vida. Queremos tanto o que pedimos que deixamos de confiar na Sua sabedoria. Ao insistirmos, Ele acaba por nos dar o desejo do nosso coração, para que aprendamos com a nossa teimosia. Depois de receber o que tanto desejamos vemos que realmente não é assim tão bom e ficamos com um sabor amargo na nossa boca.

Ouso afirmar que muitas das dificuldades pelas quais passamos é por não entregarmos os nossos desejos e recebermos os Seus desejos. Quanto mais nos aprofundarmos na Sua presença mais temos que largar os nossos desejos e segurança.

Mais de Deus, requer mais entrega da nossa vida. Quanto mais damos de nós a Deus, mais recebemos de Deus.

Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos, e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber.
Atos 20:35

Ora, aquele que dá a semente ao que semeia, também vos dê pão para comer, e multiplique a vossa sementeira, e aumente os frutos da vossa justiça; Para que em tudo enriqueçais para toda a beneficência, a qual faz que por nós se dêem graças a Deus.
2 Coríntios 9:10,11