Levanta-te e brilha

Tantas vezes, esperamos  sentir a glória de Deus para, então, nos levantarmos e brilharmos com a Sua presença.

O profeta Isaías exorta-nos a levantar primeiro, e depois resplandecer com a glória de Deus. Vemos que a glória de Deus resplandece através da nossa vida quando, primeiramente, tomamos a decisão de nos levantarmos e de sair da nossa zona de conforto.

Em vez de esperar pelas condições certas, devemos despertar o nosso homem interior e nos levantarmos em fé, para brilharmos com a glória de Deus.

Quando na nossa vida temos as prioridades em ordem, Deus brilha através de nós e todos à nossa volta são alcançados por essa glória. Com esta transformação vem a renovação da nossa alegria, a restauração das nossas famílias e a provisão divina mesmo dos sítios menos prováveis.

Levanta-te meu povo! Que a tua luz brilhe para todas as nações verem. Porque a glória do Senhor está a irradiar de ti. 2/3 Os outros povos da Terra serão cobertos por uma escuridão tão densa como a noite escura, mas a glória do Senhor resplenderá sobre ti. Todas as nações virão para a tua luz; poderosos reis se chegarão para verem a glória do Senhor no teu seio. 4 Levanta os olhos e vê! Teus filhos, tuas filhas estão a regressar vindos de terras bem longe. 5 Teus olhos cintilarão de contentamento, o teu coração estremecerá de emoção. Mercadores de todas as partes do mundo afluirão trazendo-te as riquezas de muitas terras. (Isaías 60:1-5)

O poder do amor

Para buscarmos mais da presença de Deus e para chegarmos a lugares mais profundos no Seu Rio, temos que entender quem Ele é o como  chegar à Sua presença.

Uma  das palavras que define a identidade de Deus é  Amor.  I João 4:8, diz isso mesmo: «Aquele que não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor.»

Ao sabermos que Deus é Amor, entendemos como aprofundar o nosso relacionamento com Ele. Se queremos aprofundar o nosso relacionamento com Deus temos que ter e exibir mais amor nas nossas vidas.

Uma forma de demonstrarmos o nosso amor para com Deus é pela obediência à Sua Palavra, e pela vontade de concretizarmos os Seus desejos. Neste amor não vivemos para os nossos desejos e para os nossos planos, mas vivemos para os Seus desejos e segundo a Sua agenda. Neste amor e na Sua presença, não há medo, mesmo quando não temos o controle das nossas vidas, porque temos  plena confiança na Sua identidade e na personificação do Seu amor.

Esta confiança inabalável, que se encontra neste relacionamento de amor com Deus, é  FÉ. Através da Fé brota este Amor, que nos aproxima de Deus e faz-nos mergulhar nas águas profundas do Seu Rio.

Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada. Quem não me ama não guarda as minhas palavras.
João 14:23-24

Ora, sem fé é impossível agradar-lhe, porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que é galardoador dos que o buscam.
Hebreus 11:6