Ide e fazei discipulos

E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; 20 ensinando-as a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até à consumação dos séculos. Amém!
Mateus 28:18-20

Quando pensamos nas últimas palavras de Jesus, aqui na terra, por norma focamo-nos nas palavras da “Grande Comissão – Ide por todo mundo e fazei discípulos de todas as nações.”

Estas palavras transmitem uma certa obrigatoriedade e esforço da nossa parte, o que pode assustar muitos levando-os a um estado de inércia.

Mas será que lembramos dos versículos que antecedem esta comissão? Jesus inicia a “Grande Comissão” com, “Toda a autoridade foi-me dada no céu e na terra.”

Quando Deus traz uma visão e uma comissão, Ele traz sempre a provisão para o cumprimento da visão.

O cumprimento da “Grande Comissão” só vem quando entendemos que a autoridade só vem de Jesus. Jesus tem toda a autoridade nos céus (lugares celestiais) e na terra (onde nós vivemos). Através da Sua autoridade podemos operar no Seu poder para trazer a manifestação do Seu Reino à nossa realidade. No Seu poder há transformação de ambientes, libertação da opressão, cura das doenças e a salvação de todos os que crêem n’Ele.

Agir no nome de Jesus é aplicar a autoridade de Deus no mundo em que vivemos. Todos necessitam de Jesus, “o Caminho, a Verdade e a Vida.”

Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim. Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis e o tendes visto. João 14:6

Começa com a noite

No inicio de tudo, o mundo estava escuro e sem forma, e depois tudo começou com Deus a dizer, “Haja luz!” (Génesis 1:2-3).

No calendário judaico, o inicio do dia é ao pôr do sol e termina no pôr de sol. Parece que tudo começa com a noite.

No livro de João 1:9, Jesus diz que Ele é a Luz do mundo. Quando encontramos Jesus, Ele diz que nós somos a luz do mundo, (Mateus 5:14).

O Apóstolo Paulo explica esta mudança de uma forma muito clara no livro de Colossenses 1:12, no qual diz que somos transportados das trevas para a luz.

Esta mudança acontece quando o Espírito de Deus habita em nós (salvação) e a nossa vivência (em arrependimento) não impede que esta luz brilhe através das nossas vidas. O arrependimento é o largar de tudo o que inibe esta Luz de brilhar no mundo à nossa volta.

Tal como o povo de Israel quando saiu do Egipto teve que retirar o Egipto do seu coração e mente, nós temos que retirar a nossa velha forma de ser da nossa mente e do nosso coração, para podermos tomar posse da terra prometida.

Como é que podemos retirar estes bloqueios, que fazem parte da forma que “somos”, da nossa vida?

Temos que escolher largar o passado e começar a encher a nossa vida com os sonhos que Deus tem para nós. Depois temos que perseverar no caminho com Deus e acreditar nas Suas promessas e na Sua Palavra. Por fim, temos que nos rodear de pessoas que nos vão ajudar neste caminho e não das que nos levam de volta à noite.

O que é que falta?

Numa era em que temos todo o tipo de informação nas pontas dos dedos, o que  nos falta?

Quando nos falta algo, fazemos tudo para suprir essa “necessidade”. Quando é dinheiro trabalhamos mais, se é saúde mudamos a alimentação e tomamos medicação, se é alegria vemos um filme cómico e contamos anedotas, se é companhia  arranjamos amigos e tornamos-nos mais simpáticos.Tentamos preencher o nosso tempo com actividades que nos divirtam. O que é que te falta?

A Bíblia diz-nos que somos criados à imagem de Deus e que o nosso intimo anseia a Sua presença. Também diz que todos precisamos de salvação e que estamos longe de Deus. O desejo de Deus é que cada um seja restaurado à comunhão com Ele, Deus Pai.  Para isso, é necessário arrependimento.

Arrependimento vem quando reconhecemos que somos pecadores e que precisamos que os nossos pecados sejam perdoados. Ao confessarmos os nossos pecados ao Senhor, somos perdoados. Arrependimento é virar as costas à forma antiga de viver e seguir os princípios de Deus para a nossa vida. Pode parecer difícil, mas não é impossível. Com o arrependimento, Deus dá-nos a graça que nos capacita para vivermos uma nova vida e deixarmos as coisas da velha vida.

Só assim vamos estar realmente satisfeitos e em paz.

A palavra arrependimento é de origem grega (μετάνοια, metanoia) e significa conversão (tanto espiritual, bem como intelectual), mudança de direção e mudança de mente; mudança de atitudes, temperamentos, caráter, trabalho, geralmente conotando uma evolução.
— Wikipédia

Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.
Romanos 3:23

Não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se.
— 2 Pedro 3:9