Lágrimas na Sua Garrafa

Ao passar pelas Kasbahs (medinas), do Norte da África e no Médio Oriente, tenho visto exibidas em várias lojas uma variedade de pequenas e decorativas garrafas de vidro. Quando perguntei, aos lojistas, para que eram usadas eles explicaram que eram «garrafas de lágrimas». Desde os tempos antigos, há uma prática de guardar as lágrimas derramadas pela perda de um ente querido. Estas lágrimas são consideradas sagradas, pois elas representam o luto da família. Por vezes, as garrafas eram enterradas com os falecidos, como foi descoberto em escavações de túmulos antigos. Mesmo em tempos de guerra, as mulheres guardam as suas lágrimas em garrafas para mostrar aos seus maridos ou filhos, quando regressam, quão saudosas elas estavam.

O uso de garrafas ou odres para guardar as lágrimas deve ter sido comum durante o tempo do Rei David, pois nós vemo-lo a orar ao Senhor e a pedir para colocar as suas lágrimas no Seu odre e registá-las no seu livro, (Salmos 56:8). As lágrimas são a linguagem da dor. Lágrimas também são a solução para o sofrimento. Deus fez o homem para que ele pudesse chorar. Os animais não derramam lágrimas, só os homens. É uma maneira de libertar a dor e o medo, para que não fiquem “engarrafados” dentro de nós. No entanto, essas lágrimas são importantes. As nossas lágrimas são preciosas para Deus e Ele mantém tudo na sua garrafa e regista-as no Seu livro.

Vivemos num mundo caído e neste mundo há muita tristeza. Muitas lágrimas são derramadas diariamente. Mesmo Jesus chorou com a morte de seu amigo Lázaro. As Suas lágrimas, também, entraram na garrafa celestial. Jesus não é indiferente ao sofrimento. Ele é constantemente movido por compaixão. Ele é o nosso Sumo-Sacerdote que se identifica com as nossas fraquezas, já experimentou o nosso sofrimento e em tudo foi tentado, tal como nós. Ele conforta todos os que choram, dá glória em vez de cinzas, vestes de louvor em vez de tristeza e alegria em vez de luto.

Marsha Stevens escreveu uma música há alguns anos atrás, cujo título é Por Aquelas Lágrimas Eu Morri.

O refrão é assim:

Pois Jesus disse: Vem para a água, fica ao meu lado.
Eu sei que estás com sede, não serás rejeitado.
Senti cada lágrima, quando na escuridão choraste.
Esforcei-me para te lembrar que, por aquelas lágrimas eu morri.

Assim como as tuas lágrimas não são esquecidas, o Senhor quer que saibas que Ele está a preparar um lugar para ti, onde não haverá mais lágrimas. Onde a morte foi tragada pela vitória, onde cada lágrima é limpa, e onde todas as dores e o sofrimento não existem mais. Embora ainda haja dor e sofrimento aqui na terra, a eternidade nasceu nos nossos corações. Para aqueles que colocam a sua fé em Jesus Cristo, a nossa esperança e desejo é ir para o céu. O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã, (Salmos 30:5).

Escrituras Para Meditar:
Salmo 56:8; 30:5; 116:8-9; João 11:35; Malaquias 3:16; Isaías 61:1-3;  Hebreus 4:15-16; Apocalipse 21:4.

Publicado por

Pr. James Reimer

Pr. James Reimer

James Reimer nasceu em Fairbanks, Alaska, EUA. Apesar de ter sido criado num lar cristão, ele envolveu-se no tumulto da década de 60 e entrou na subcultura das drogas. Na véspera de 1971, em Starnberg, Alemanha, a sua vida mudou radicalmente ao ter um encontro com Jesus Cristo. Leia a biografia completa