Palavras Fiéis

[Read the devotional «Trustworthy Sayings» in English.]

Ao ler as cartas de Paulo enviadas aos seus discípulos, Tito e Timóteo, deparei-me com uma frase que é repetida várias vezes. A frase é: «Palavra fiel é esta.» É como dizer: «Certifiquem-se que salientam isto», ou «tomem atenção porque isto é importante.» Ao ver esta frase repetida várias vezes tive mais cuidado em ler o que Paulo estava a dizer.

Em I Timóteo 1:15, Paulo escreve: «Esta é uma palavra fiel, e digna de toda a aceitação, que Cristo Jesus veio ao mundo, para salvar os pecadores, dos quais eu sou o principal.» Repara: «Todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus,» (Romanos 3:23). Porque todos somos pecadores, todos nós precisamos de um Salvador. Para além de Cristo não há «pessoas boas». Como Paulo escreve à igreja em Roma: «Não há um justo, nem um sequer,» (Romanos 3:10). Até o grande apóstolo Paulo admitiu que ele era o principal de todos os pecadores. Será que tu sabes isto acerca de ti? Que tu és um pecador que necessita de salvação? Esta é uma palavra fiel, e quando tu confessas os teus pecados, então Jesus pode perdoar-te e purificar-te de toda injustiça.

No quarto capítulo de 1 Timóteo, vemos esta frase de novo, mas desta vez Paulo refere-se à vivência piedosa. Ele observa que muitos têm colocado a sua atenção no exercício e saúde para o corpo, coisas que tem um valor temporal. No entanto, ele diz que a piedade tem um valor temporal e eterno (versículo 9). Assim como vamos ao ginásio para nos exercitarmos, de modo a que os nossos corpos se tornem fortes e fiquem em forma, também devemos trabalhar a nossa salvação com temor e tremor, (Filipenses 2:12). Devemos exercitar-nos na piedade. Esta é a aplicação pessoal da Palavra de Deus e a Sua natureza. É o WWJD, (O que Jesus faria?), é a pergunta que fazemos diariamente. É importante lembramo-nos disto.

Mais uma vez Paulo usa esta frase na sua segunda carta a Timóteo: «Palavra fiel é esta […],» (II Timóteo 2:11-12). Aqui ele quer sublinhar o facto de que existem benefícios eternos em servir e em permanecer com Cristo. «Se já morremos com ele, também com ele viveremos; se perseverarmos, também reinaremos com ele.» Repare bem na preposição que é usada aqui: «com.» Cristo está connosco nos momentos difíceis e nos bons momentos. A Sua graça e o Seu governo são nossos companheiros constantes. É confiável notar que, apesar de eu «passar pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum,» (Salmo 23:4). Seja qual for a dificuldade com que nos deparemos o Senhor acompanha-nos através dela, e no fim vamos encontrar a vitória.

Para Tito, Paulo escreve: «Fiel é a palavra, e isto quero que deveras afirmes, para que os que creem em Deus procurem aplicar-se às boas obras […],» (Tito 3:8). Com esta advertência vem um aviso para evitar discussões tolas sobre a lei, genealogias e outros assuntos polémicos. Jesus andou a fazer o bem e Ele quer que façamos o mesmo. Distrair-se em conversas infrutíferas sobre assuntos que não são importantes só leva à divisão e ofensa. Paulo enfatiza o facto de que todos fomos justificados pela graça, não pelas obras, e que nós somos «herdeiros» da vida eterna. Ele não se baseia na nossa retidão, mas na Sua justiça. Se nos lembrarmos sempre desta verdade, não vamos discutir sobre quem está certo ou errado e vamos nos dedicar à obra que o Senhor nos disse para fazer. Sublinhe na sua Bíblia: «Fiéis são estas palavras.»

Escrituras para meditar
I João 1:9; I Timóteo 1:15; 4.9; II Timóteo 2:11-12; Tito 3:8

Publicado por

Pr. James Reimer

Pr. James Reimer

James Reimer nasceu em Fairbanks, Alaska, EUA. Apesar de ter sido criado num lar cristão, ele envolveu-se no tumulto da década de 60 e entrou na subcultura das drogas. Na véspera de 1971, em Starnberg, Alemanha, a sua vida mudou radicalmente ao ter um encontro com Jesus Cristo. Leia a biografia completa