ADN Real

[Read the devotional «The Royal DNA» in English.]

Recentes testes de ADN e pesquisas científicas confirmaram o ensino bíblico de que a humanidade descende de um homem e de uma mulher. Em 1987, uma equipe de cientistas da Universidade da Califórnia em Berkeley, publicou um estudo com pessoas de diferentes localizações geográficas no mundo e constatou que todas tinham o mesmo ancestral feminino. Eles chamaram-na “Eva mitocondrial”. (ADNmt)

Em 1995, outros estudos feitos em homens confirmaram um cromossomo comum, “Y”, que faz dele masculino, veio de uma fonte, um Adão. Estes estudos também confirmaram que estes dois viveram ao mesmo tempo e no mesmo local. ADN (ácido desoxirribonucleico), é um código genético que carrega a informação de traços ancestrais, tanto física, emocional e espiritual. A Bíblia diz claramente que todos descendem de um homem, Adão, (Atos 17:26). Ele foi criado com um ADN puro, mas quando ele pecou o seu código genético foi alterado e deu início a uma deformação.

Este ADN contaminado pelo pecado foi transferido de geração em geração até aos dias atuais, por meio do cromossomo Y do pai. Portanto, assim como o pecado entrou no mundo por um homem, e a morte pelo pecado, assim também a morte passou para todos os povos, porque todos pecaram. Jesus tinha um ADN diferente; um ADN Real. Ele nasceu de uma mulher, Maria, realizando assim um ADNmt comum, mas não o de Adão. O primeiro Adão era um ser vivo, ele veio da terra, controlado pelos seus instintos carnais e natureza pecaminosa.

O último Adão, Jesus, é um Espírito que dá vida, Ele é do céu com uma natureza espiritual e controlado pelo Espírito Santo, (I Coríntios 15:45-49). O ADN de Adão não pode entrar no Reino dos Céus. Ele foi condenado à corrupção e morte. Deve haver um novo nascimento, resultante de uma transformação da natureza genética. É preciso ser nascido do Espírito para ser capaz de entrar na presença de Deus.

Quando aceitamos Jesus nas nossas vidas, os nossos pecados não são apenas lavados pelo Seu sangue, mas tornamo-nos filhos de Deus, com a Sua natureza e Seu ADN real. Como Pedro diz: “Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz” (I Pedro 2:9). Como descendentes de Adão, nós temos a imagem do homem terrestre, mas em Jesus somos transformados à Sua imagem.

A vida está no sangue. Foi pelo derramamento do sangue de Jesus que recebemos perdão pelos pecados, a cura de doenças, a quebra de maldições e somos libertos do inimigo. Pela fé, participamos do sangue de Jesus e somos salvos do pecado e da morte, somos transportados do reino das trevas para o Reino de Deus. O nosso espírito renasce e nós somos uma nova criação. A nossa alma, (mente, emoção e vontade), por outro lado, precisa de ser transformada. O nosso espírito renasce instantaneamente, mas a nossa alma transforma-se progressivamente.

A nossa mente deve ser renovada, as nossas emoções controladas e a nossa vontade submetida. O sangue, que nos salvou, é o mesmo sangue que nos muda. À medida que aplicamos o sangue de Jesus nas nossas vidas, os velhos hábitos pecaminosos e as amarras do inimigo são quebrados e os nossos traços ancestrais mudam. Deus também tem um plano para os nossos corpos. Embora, a transformação final só ocorrerá na ressurreição dos mortos, podemos receber a cura de todas as doenças através do sangue de Jesus.

O ADN real do Sangue de Jesus santifica-nos, tanto no espírito, como na alma e corpo.

Escrituras Para Meditar
I Pedro 2:9-10; I Coríntios 10:16; 15:45-50; João 1:11-13; 6:54-56; Romanos 3:23; 5:12; 7:23

Publicado por

Pr. James Reimer

Pr. James Reimer

James Reimer nasceu em Fairbanks, Alaska, EUA. Apesar de ter sido criado num lar cristão, ele envolveu-se no tumulto da década de 60 e entrou na subcultura das drogas. Na véspera de 1971, em Starnberg, Alemanha, a sua vida mudou radicalmente ao ter um encontro com Jesus Cristo. Leia a biografia completa